Sem comentarios! O dia foi incrivel! Na apresentacao do jantar ficamos sabendo que o primeiro dia do cape epic, foi o pior e mais dificil da historia do epic! Pudera, como a gente sofreu….
114 kilometros de muito perrengue, subidas de tirar o folego e downhills muito tecnicos cheio de pedregulhos. A Dri quase desmaiou duas vezes, passou muito mal, a pressao caiu, e tivemos que parar um bom tempo ate ela melhorar. Gracas a alguns brasileiros e varios sul africanos fomos vencendo os desafios. No meio da prova tive certeza de que nao passariamos o corte, nosso ritmo estava baixo, a Dri parecia nao melhorar. Puxa vida, viemos do Brasil ate aqui para morrer na praia , no primeiro dia de prova. Prova de gente grande, prova para campeoes olimpicos, e nos duas rosinhas nos sentindo esmagadas pela grandiosidade do desafio. Quando chegamos no water point 2 descobrimos que tinham estendido o corte em meia hora! Nossa meia hora, sera que da? Juntamos todas as forcas que a gente nao tinha, tiramos das nossas anteninhas superpoderosas, e pedalamos os kilometros finais batalhando contra o vento, batalhando contra o vento, contra o corte! De repente a placa anunciava que o chegada estava a um kilometro, eu chorava de solucar, chorava com a alma, com vontade! Nao acredito passamos! Nosso sofrimento foi recompensado. O auto falante anunciava que as pinkies estavam cehgando, e elas iriam dancar.Cruzamos a linha de chegada as 5.26hs, ficamos em cima da bike 1o.30 horas! E mesmo depois de tudo fizemos a dancinha que nosso coreografo Marcio nos ensinou, Cada dia estamos mais famosas..fomos recepcionadas por um reporter, em suas maos, um jornal local, e a gente estava na capa! E galera nao eh nada facil! Marcio a Dri te ama!!! Ate o proximo dia!! Que seja mais brando! Obrigada a todos pelo apoio!