No desespero de um final de semana sem programação fui acolhida por meus amigos cariocas Régis e Inês e lá fui eu de mala e cuia para a cidade mais bela do mundo; o Rio de Janeiro.

Régis “comprou” a brincadeira dos 365 esportes (para você que  chegou agora, meu desafio pessoal do ano é fazer 365 esportes diferentes) e quis colaborar para que a cidade carioca fosse mais um palco para prática de novas modalidades.
Sem que eu me preocupasse minha agenda logo estava montada:
“Luli direto do aeroporto para o aterro, praia do flamengo.”

Sem almoço e sem me preocupar com isso encontrei com Edson Sousa o professor.
Eu nunca tinha feito uma aula de slackline, apenas me aventurado na brincadeira sem muita técnica, sem equilíbrio. Sem sucesso.

No aterro do flamengo, entre dois coqueiros a fita foi amarrada, num gramado verde que beirava a praia de areia branquinha. No fundo: o pão de açúcar realçado pela luz do sol. Eu me sinto turista de carteirinha no Rio; jamais me acostumo com sua beleza.

Mas voltando à aula: Edson teve contato com slackline há 7 anos, e dá aula a quase três anos. Logo no primeiro contato fiquei encantada com sua calma, equilíbrio fora da fita. Numa sequência lógica, foi me ensinando os truques e macetes de se equilibrar com uma filosofia que se estende além do corpo, ensina a mente trabalhar.

“Respira Luli, respira. Relaxa a musculatura.”
Havia momentos em que a fita começava a balançar freneticamente de um lado para o outro, eu concentrava na respiração levando oxigênio para os meus músculos e relaxando o corpo. Como num passe de mágica a fita parava de mexer.
“Meu Deus! Ação e reação na prática!”

Aos poucos, sem a pressa da travessia, fui ensinando meu corpo maneiras de se equilibrar enquanto a mente deliciava se com a experiência.

Ali, de frente para o mar, absorvi que o slackline é mais que uma prática, é uma filosofia. Aprendi que tanto na fita quanto fora dela é preciso respirar, sentir o corpo, sentir o entorno, ter calma, tato, concentração e relaxar. O equilíbrio é uma feliz consequência!

Gostou? Fala com o Edson (21) 82787821 – (21) 91734029