O segundo dia de prova eram 48 km com 1.000 de ascensão que basicamente se resumiam em duas enormes subidas, a pior era já logo no começo e a segunda para fechar o percurso.

A largada foi em uma região vinícola chamada Hunter Valley nacionalmente conhecida por seus vinhos e comida. Mudando completamente de cenário; ontem estava pedalando ao lado do mar, hoje acompanhava longos campos verdes e cenários rurais lindíssimos.

IMG_1861O dia começou cheio de entrevistas, na largada o speaker veio perguntar curiosidades geradas por uma pessoa que veio do outro lado do mundo “só para pedalar na Austrália?” Logo em seguida foi a vez do pessoal da filmagem com mais um interrogatório. Muito divertido!

Sob um lindo céu azul em meio à parreiras foi dada a largada. A primeira subida apesar de longa não me assustava, entrei num ritmo bom desde o começo e fui conversando com novos amigos feitos pelo caminho. E sem perceber o esforço o topo chegou.

La em cima um singletrack delicioso e depois o downhill chamado de rabbit hole foi extremamente rápido e divertido. Até ai a prova só tinha variáveis que me faziam feliz, uphill, singletrack e um downhill delicioso até que…. veio o asfalto. Todas a mulheres que passei sem esforço no singletrack me passaram de volta no asfalto.

Ai vem Ruben, meu amigo que pedalou com a Dri no Chile:
_”Ruben, eu odeio asfalto!”
Com sua simpatia contagiante o venezuelano me responde:
_ “Mas olha a vista!”

Realmente! A paisagem rural era de tirar o fôlego! Ai entendi a diversão que a bike tinha me proporcionado até ali em termos de percurso e pilotagem deu lugar a uma pilotagem monótona mas que trouxe com ela toda beleza da paisagem australiana, campos verdes, eucaliptos, lhamas, cangurus. Logo fiz as pazes com o asfalto e seguimos pedalando.

Antes da chegada havia um pico com uma subida curta mas que parecia uma parede, esgotou com o que me sobrava de energia tive que descer da bike e empurrar por alguns metros. Ao atingir o topo o pórtico aparecia como uma linda miragem, e na chegada Jesus sorria. Fim do segundo dia!

Fabi, Fátima, Joyce, Riplas, Inês (mulherada em peso) Obrigada pelas boas energias de sempre, vocês são muito especiais! :)