Mais eficientes na saída do hotel no terceiro dia de pedal. Depois da dura aventura de empurrar a tandem ontem, no terceiro dia teríamos que recuperar a quilometragem perdida.

“Amanhã a previsão é chuva! Melhor tentar fazer toda a distancia hoje!”

Se tudo desse certo teríamos que pedalar 90 quilômetros com muita subida.

Para evitar as trincheiras, oleodutos e afins, dessa vez resolvemos apostar na estrada, o que acabou sendo uma ótima escolha pouco movimento de carros e pedal ritmado.

O dia já começava com uma subida boa. Antes dela achamos um supermercado para reabastecer. Não sem parar para uma usual foto seguida do curioso interrogatório. Mais simpáticos croatas!

A subida era longa e quase no final dela o relógio e nossos organismos anunciavam: “Melhor para para comer.”

Estômagos confortados, hora de seguir.

Depois de 20k  chegamos em Vbovsko onde seria o destino do segundo dia. Ali começou  outra longa subida, e cada vez mais as “poças de neve” aumentavam.La em cima estava tudo gelado. Primavera branca! Aproveitamos a parada para fotos.

E quando encontramos com um restaurante “Aqui deve ter panqueca de chocolate.”

É algo que descobrirmos da Croacia; qualquer lugar parece ter uma panqueca de chocolate. Para quem vai pedalar 90 k é melhor abastecer.Delnice, outra das cidadezinhas, já anunciava os 50 quilômetros percorridos. “Será que seguimos o track, ou continuamos pelo google maps?”

Passamos uma entrada voltamos e começamos a subir empurrando. A primeira subida do dia que era impossível pedalar a tandem. Para um carro:

“Onde vocês estão indo?”

“Omisajl!”

“Não! Não! Esse caminho é terrível, depois dessa subida dura ainda tem outra bem pior!” _e enfática continuou_ “Nós somos ciclistas e sabemos um caminho melhor.”

Jelena desceu do carro e explicou o caminho que deveríamos seguir mais de duas vezes. Talvez para que a gente não se perdesse mesmo, mas a verdade é que seguimos o caminho dado e as subidas dali em diante voltaram a ser todas pedaláveis, e o tempo curto que tínhamos para terminar a distância do dia, com a nova rota, tornou se suficiente. (Obrigada Jelena!)Descemos a serra de 15 k até a praia e praticamente junto com o sol, tocamos o mar!

Cem quilômetros, sete horas pedaladas, quase 10 horas de viagem, num único dia!Em Kraljevica terminam os 3 dias da nossa bike trip de 200 k até a costa da Croacia, mas a aventura continua: 4 Islands mtb, uma competição de mountain bike de quatro dias em quatro ilhas diferentes do país!

Fiquem aí! Já tem mais!