Via Ferrata Kandersteg-Almenalp (Suisse Day 8)

Olha bem para esse paredão!

A Via Ferrata Kandersteg é visível de qualquer lado; tem uma bandeira da Suíça pintada na pedra que vê se ao longe, mas o que deixa fácil mesmo de acha-la é a gigantesca cachoeira que desce lá de cima de Almenalp. É, eu sei, não dá para ver na foto, mas fica aí, já vimos a previsão do tempo e vai abrir.

Saímos do hotel considerando a previsão do tempo (que nesses dias funcionou como um relógio Suiço) perto do meio dia iria abrir uma janela de sol.

Sobe 650 metros; trilha mais a escalada sendo que de Via Ferrata são 370 metros, classificada como difícil.

Começamos a subir o paredão ao lado da cachoeira, e bem no começo da escalada já avistamos alguns escaladores. (Essa via ferrata é uma das mais instagramáveis, imaginamos que isso deva atrair mais pessoas ainda.) Dava a impressão que estavam devagar, mas quando começamos a escalar percebemos que o nível técnico era grande, dificilmente alcançaríamos a turma da frente.

Chega a ser difícil ilustrar por foto ou texto a dimensão da brincadeira. Olha a foto acima; consegue enxergar as pessoinhas?!

Como promessa o sol apareceu; o verde do vale fica mais fluorescente. As vistas são de cortar a respiração. Literalmente.

Aberta a temporada do medo! Já não me lembrava dele desde a exploração das vias ferratas na França em outubro passado.

Não tínhamos nem uma hora de escalada e eu já estava mole de tanta adrenalina no sangue.

A primeira ponte nepalesa passava em cima da cachoeira (nas fotos não dá para perceber e nem ter vertigens).

As vistas impressionam o tempo todo: de um lado a vila e do outro a cachoeira, que no segundo terço da via nos brinda com respingos d’água.

Demoramos 2:30 para terminar a Via Ferrata, depois continuamos subindo por trilha.

Totalmente de acordo com a classificação dada: D I F I C I L; exige uma boa confiança em alturas e um bom preparo fisico, tem muitos trechos em que ficamos dependentes de apenas um apoio.

Eu tive medo. Medo daqueles que exigem concentração para tentar desligar o alerta vermelho e a sirene que o corpo dispara.

Que delicia!

Antes de descermos fiz uma amiga.

A volta é de teleférico, numa pequena cabine que acompanha o paredão super íngreme!

Thank you Kandersteg. Amamos conhece-la!

RELATED POSTS

LEAVE A REPLY

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

@FLOWERPEOPLETEAM

COME WITH US!

PARTNERS